quarta-feira, 20 de maio de 2015

52 dias de Pedro

Oi, filho,


Faz tempo que não registro nada por aqui. Não é falta de inspiração ou de vontade, é uma mera questão de tempo. Você não gosta de ficar no berço durante o dia, então me sobra pouquíssimo tempo de braços livres para digitar. E quando você dorme à noite eu também vou direto pra cama porque preciso de muita energia pra acompanhar seu ritmo.


Mas hoje senti uma urgência de registrar algumas coisas antes que elas se percam da memória. Então vamos lá:

- Você nasceu com 52 cm e 3,465kg, um bebezão! E olha que a gestação durou 37 semanas (8 meses e 8 dias para ser bem exata). Imagina se você tivesse ficado aqui dentro até as 42 semanas?
- Saiu da maternidade com 3,2 kg e uma semana depois já estava com 3,660 kg
- Na última consulta com o pediatra (com 47 dias) você já estava com 59,5cm e 5,410 kg! Três pediatras diferentes já te viram e todos ficaram surpresos com seu ganho de peso sensacional. Tá todo mundo dizendo que você nem parece mais um bebê de dois meses e eu concordo plenamente. Tá com umas bochechas enormes e as coxas então, nem se fala! Confesso que essa semana te dei umas mordidas nas bochechas, não deu pra resistir a tanta fofura!

- Quando de bruços, você consegue sustentar a cabecinha desde a segunda semana de vida. Parece uma lagartixa olhando de um lado pro outro.

- O banho você já curte há um tempão. E seu pai adora te banhar! É ele quem tem feito isso desde que você nasceu (e na ausência dele as suas avós é que fazem, sua mãe ainda tem medo de deixar você cair, mas eu sempre estou presente pra lavar sua cabeça e te pegar com a toalha no fim). É engraçado porque quando te viramos de bruços pra lavar suas costas você já tenta firmar os pezinhos no fundo da banheira. Aí é pura adrenalina pra quem está te segurando porque parece que você já quer sair andando. Agora deu também pra balançar a cabecinha quando de bruços na banheira, como se estivesse ouvindo uma música bem ritmada. Fofo demais :)
- Você já olha fixamente pra quem está no seu raio de visão e distribui sorrisos deliciosos quando lhe dirigem a palavra.
- Seu primeiro sorriso intencional foi para a vovó Jane quando você estava prestes a completar 5 semanas de vida. Mas é fato que a partir daí você sorri sempre e reserva os sorrisos mais lindos pra mamãe e pro papai (geralmente pela manhã).
- Você gosta muito do seu mamazinho. Consegue esperar no máximo duas horas e meia entre cada mamada, mas esse intervalo tende a ser mais curto. Tem dias que pega o peito e parece que não vai largar nunca mais. Confesso que fico com medo de superalimentar você (apesar de dizerem que criança não tem gula).
- Quando você começa a reclamar de fome e seu pai fala que vai trocar sua fraldinha, você para de reclamar na hora. Parece que já sabe que logo depois de ter sua fralda trocada você vem direto pro peito :)
- Quanto ao sono: à noite você tem dormido melhor: deita entre onze horas e meia noite, acorda entre duas e três pra mamar, depois entre cinco e seis, mas logo volta a dormir e não suja mais a fralda durante a madrugada, o que tem tornado tudo mais fácil e os dias mais leves já que todos conseguimos descansar um pouco melhor durante a noite. Já durante o dia você é uma caixinha de surpresas: tem dia que não dorme nenhuma horinha sequer, em outros você hiberna umas duas ou três horas seguidas  (normalmente quando vamos visitar alguém. Parece que o carro e o ambiente não familiar são soníferos poderosíssimos pra você).
- Felizmente você está mais acostumado ao bebê conforto. Antes era uma choradeira só quando te colocávamos nele pra sair de carro. Da primeira vez que você bebeu fôlego ao chorar foi no meio de um passeio de carro no bebê conforto. Fiquei tão assustada que te arranquei de lá com o carro em movimento e você calou na mesma hora.

- Você gosta muito de banhos de sol. Fica quietinho e super relaxado quando abrimos a janela e deixamos os raios solares incidirem diretamente sobre você. Depois de um bom banho do sol você pode até emendar num soninho gostoso.


- Hoje pela manhã sua avó Sheila disse que você conversou com ela. Ela estava batendo um papo super animado com você às seis da manhã e depois de ouvi-la atentamente você murmurou de volta. Daí mais tarde quando eu estava te amamentando percebi que você olhava fixamente pra mim. Perguntei se você estava se sentindo melhor das cólicas que te impediram de dormir essa noite e você sorriu, tirou a boca do peito e fez um sonzinho tipo: aaaeee. Entendi como uma resposta. Então fica como hoje o dia oficial do nosso primeiro diálogo. Mas é importante registrar que foi com sua avó Sheila que isso aconteceu pela primeira vez ;)
-  À tarde tive de ir ao banco resolver uma pendência urgente e você acordou faminto. Sua tia Alessandra te colocou no peito dela e você mamou à valer. Cheguei aqui e vi você grudadinho nela.

- Você está a cada dia mais lindo, charmoso, fofo, gostoso e maravilhoso. É o xodó da mamãe, do papai, dos avós, tios e de um monte de amiga babona da sua mãe :) ( Mônica não aguenta passar muito tempo sem te ver e já está na competição pra ser sua tia favorita. Agora a coitada gripou e não conseguiu passar aqui nenhum dia dessa semana. É de dar dó a agonia dela pra te rever, tadica - Rebeca também está na disputa por tia favorita, essa semana ela te fez dormir)
- Seus avós também estão na corrida pra ver quem é o mais coruja! Você foi o primeiro nenê recém-nascido que seu vovô Saul teve coragem de pegar. E olha que você já é o quinto neto dele. Vovô Rubens passou 5 tardes inteiras com você no colo. Ele mal piscava :) No dia que ele foi embora sentimos você um pouco tristinho (acho que estava com saudades).
- Já suas duas avós estão dando uma super força. Elas passam a noite em claro com você quando é preciso e na ausência do seu papai são elas que te dão banho. De domingo pra segunda você passou a noite em claro com a vovó Jane e de ontem pra hoje foi a vez da vovó Sheila. Quando acordei de manhãzinha vi você dormindo grudadinho com ela.
- Seu tio Daniel também gosta de te pegar no colo. Já até cuidou de você pra eu tirar uma soneca. E você dormiu gostoso no peito dele :)
- Sua tia Alessandra chegou ontem de BH com a Emilly pra te conhecer. E você já gosta muito do colinho dela! (Em julho chegam seus tios Fernando e Felipe)
- A tia Lilian, de tanto pedir ao Papai do Céu pra te conhecer antes de voltar pros EUA, teve seu pedido atendido. Você nasceu dois dias antes dela ir e foi lindo te ver no colinho dela :)  A bisavó Mariana quer te ver todos os dias. Se dependesse dela nós iríamos ficar uma semana inteira na casa dela e ela passaria quantas noites em claro fossem necessárias com você no colo. O bisavó Valti e o tio Roberto também ficam encantados quando chegamos na casa deles com você. Tio Roberto te pega no colo e já começa a orar. Coisa mais linda de se ver!
- Seus priminhos Gabriel e Emilly também gostam muito de você. Biel até pediu pra te pegar no colo e nem ficou com ciúmes da vovó Jane com você. Emilly fica te observando com aqueles olhinhos meigos e ontem ela desandou a chorar ao te ver chorando.
- Sua família de BH está toda em polvorosa desde que você nasceu. Vovó Dora, Vovô Paulo, tia Patrícia e Débora disseram que virão te conhecer em breve.
- Você é um bebê muito amado ;)

Como está a mamãe:
- Ainda bem confusa com a mudança radical que sua chegada trouxe às nossas vidas. Muita revolução interior e a sensação de que estou me tornando uma nova pessoa (assunto para vários outros posts).
- A cada dia mais encantada com você

Como está o papai:

- Bem cansado e sonolento tentando equilibrar trabalho, doutorado e cuidados com você. Mas se fosse possível tirar licença ele ficaria o dia inteiro em casa conosco. Ele adora te pegar no colo, trocar sua fralda e te dar banho. Fica sempre com medo de te pegar bruscamente e qualquer incômodo que você sente ele tende a pensar que é culpa dele. Chega a dar dó. Mal sabe ele que em menos de dois meses ele já se tornou o melhor pai do mundo ;) Tenho certeza de que loguinho vocês já serão melhores amigos ;)